Anti-Vírus

Anti-VírusOs Vírus são programas desenvolvidos para alterar nociva e clandestinamente softwares instalados em um computador. Eles têm comportamento semelhante ao do vírus biológico: multiplicam-se, precisam de um hospedeiro, esperam o momento certo para o ataque e tentam esconder-se para não serem exterminados.

Eles podem anexar-se a quase todos os tipos de arquivo e espalhar-se com arquivos copiados e enviados de usuário para usuário. Uma simples rotina, ou comando, pode disparar o gatilho do vírus, que pode mostrar apenas mensagens ou imagens (sem danificar aquivos da máquina infectada), ou destruir arquivos e reformatar o disco rígido. Se o vírus não contém uma rotina de danos, ele pode consumir capacidade de armazenamento e de memória ou diminuir o desempenho do PC infectado.

Até alguns anos atrás, a maioria dos vírus se espalhava por meio do compartilhamento de arquivos em disquete, mas a popularização da Internet trouxe novas formas de contaminação e de vírus: por pen-drive, e-mail, comunicadores instantâneos e por páginas html infectadas.

Não é suficiente ter um Anti-Vírus instalado, ele tem que estar também atualizado, pois a cada dia novos vírus são criados.

Existem atualmente dezenas de milhares de vírus de computador e a cada mês, quase mil novos aparecem na Internet. Quando um vírus é descoberto, a ICSA (International Computer Security Association) estuda as características da nova praga e envia os dados para os fabricantes de antivírus, que desenolvem uma vacina. Para que o antivírus instalado na máquina seja eficaz, seja ele pago ou gratuito, o usuário deve verificar se as atualizações automáticas do software estão acontecendo, e caso contrário fazer este procedimento manualmente, de modo a tornar seu sistema imune às novas ameaças.

  • Instalação de software Anti-Vírus
  • Atualização
  • Verificação
  • Desinfecção ou remoção do arquivo infectado.